Curiosidades sobre o beijo

Curiosidades sobre o beijo

O beijo pode ser o principal meio de transmissão de doenças, segundo médicos e dentistas.

Será que você sabe quais doenças podem ser transmitidas por um simples beijo na boca? O beijo é uma maneira extremamente eficaz de contaminação. Durante o beijo, o casal movimenta 29 músculos (12 dos lábios e 17 da língua) e troca, em média, 250 vírus e bactérias.

A doença do beijo
A mononucleose está presente em 90% da população e é transmitida pela saliva. A infecção é provocada pelo vírus Epstein-Barr (VEB), um integrante da família do herpes. Quando o vírus invade o organismo, atinge diretamente as células da garganta e, a partir delas, espalha-se, contaminando as células do sistema imunológico, responsável pela proteção do organismo. Uma vez infectada, a pessoa pode permanecer com o vírus no organismo para sempre e, em circunstâncias especiais, ele ainda pode ser transmitido.

Através do beijo, pode-se contrair também gripe suína, cárie e meningite. De acordo com estudo realizado por médicos australianos, beijar muitas pessoas aumenta em até 4x a chance de pegar meningite meningocócica.

Outras curiosidades

A cada beijo, o casal troca, em média, 9mg de água, 0,7g de albumina, 0,18g de substâncias orgânicas, 0,711mg de gorduras e 0,45mg de sais;

Um mililitro de saliva pode conter 150 milhões de bactérias;

A cada beijo, a pessoa queima, em média, 12 calorias;

Até o momento não há evidências científicas de que o ato de beijar seja uma forma de transmitir a AIDS. Mas, se houver alguma lesão com sangramento na boca de um portador com vírus, há, sim, a possibilidade de isso ocorrer.

Resumindo… o melhor é sempre manter a boa prática da higiene bucal!

Fonte: BBC, Portal Bem Paraná, IG Saúde, Revista Mundo Estranho, Folha de São Paulo, Livro Boca