Dicas para usuários de próteses

 

 

O uso de pastilhas efervescentes na higienização da prótese ajuda na limpeza. É um coadjuvante na higienização.Foto: Shutterstock
02dentadura
Estudo desaconselha dormir com dentaduras Uso de prótese durante o sono duplica o risco de pneumonia em pessoas idosas, segundo estudo recente. Saúde e higiene bucal deficientes são cada vez mais reconhecidas como um dos os principais fatores de risco para desenvolvimento de pneumonia em idosos. E há muitas pesquisas nesse sentido que relacionam a saúde bucal e a pneumonia. Usuários de prótese total, durante o sono normalmente tendem a ter práticas inadequadas de higiene bucal e vão com menor regularidade ao dentista, o que pode aumentar as chances de desenvolvimento de cárie dentária e doença periodontal, além de poder desenvolver uma infecção fúngica comum chamada candidíase. Os pesquisadores investigaram associações entre comportamentos de saúde bucal e a incidência de pneumonia em 524 idosos selecionados aleatoriamente com idade média de 87,8 anos, vivendo na região metropolitana de Tóquio, Japão. Ao longo de três anos, 48 eventos associados à pneumonia foram relatados. Do total de 453 usuários de prótese, 186 pessoas( 41% do total de usuários analisados) desenvolveram maior risco de pneumonia, justamente aqueles que não removiam as próteses antes de dormir. Pesquisadores intitularam o estudo da Journal of Dental Research de “Denture Wearing during Sleep Doubles the Risk of Pneumonia in the Very Elderly.” (“Uso de prótese durante o sono duplica o risco de pneumonia em pessoas muito idosas.”) Este estudo fornece evidência empírica de que o uso da prótese durante o sono está associado não somente à carga inflamatória ou à microbiota oral, mas também com a pneumonia incidente, dizem as Associações Americanas e Internacionais de Pesquisa Odontológica (International and American Associations for Dental Research), em um comunicado à imprensa. As próteses são aparelhos removíveis que podem substituir dentes perdidos e ajudar a restaurar sorrisos. Assim como os seus dentes, as dentaduras devem ser escovadas diariamente para remover partículas de alimentos e biofilme, aconselha a American Dental Association. Visite o site da ADA MouthHealthy.org para maiores informações sobre dentaduras e higiene em dentaduras. Clique aqui para ver artigos arquivados da ADA .
Ao colocar uma prótese nova é preciso alguns dias na adaptação da fala. É como se estivesse usando um sapato novo, é preciso se adaptar. Foto: Shutterstock
As dentaduras são boas opções para quem perdeu os dentes. Além do sorriso, a prótese tem papel fundamental para a pessoa comer e falar normalmente. Mas, antes de chegar à plena adaptação, é possível que haja algumas dificuldades.
03dentadura
Algumas pessoas queixam que a dentadura está frouxa, mas pode levar algum tempo até que os músculos das bochechas e da língua aprendam a mantê-las em posição. Outros problemas comuns são o aumento de salivação, irritação e feridas. A boa notícia é que, na maioria dos casos, esses problemas são passageiros. Para facilitar é aconselhável seguir algumas recomendações, inclusive para se alimentar. O melhor é dar preferência a alimentos moles cortados em pedaços pequenos e evitar alimentos quentes ou duros e ossos ou cascas com pontas afiadas. Mastigar dos dois lados evita que as dentaduras se desloquem. Volte à sua dieta gradualmente. Para ajudar na fala, ler em voz alta e repetir palavras complicadas são boas dicas. Falar devagar evita que a dentadura faça barulho. E se a prótese escorregar, a reposicione mordendo delicadamente e engolindo. O importante é fazer o acompanhamento com o dentista logo depois de colocar a dentadura periodicamente. O cirurgião-dentista, Mauro Piragibe, consultor científico da Associação Brasileira de Odontologia (ABO), deu algumas dicas para conviver bem com os novos dentes. 1- Manter a prótese com boa higienização. Escová-la sempre após as refeições com a escova dental e pasta de dente. A prótese acumula alimentos e isso provoca mau hálito. 2- Sempre retirar a prótese ao dormir, mantendo-a em um recipiente com água. A remoção faz com que a gengiva “descanse”. 3- 5 anos é um bom período para troca, mas é aconselhável uma consulta no dentista de seis em seis meses ou anualmente. A desadaptação com o passar do tempo é normal. 4- Ao colocar uma prótese nova é preciso alguns dias na adaptação da fala. É como se estivesse usando um sapato novo, é preciso se adaptar. 5- O uso de pastilhas efervescentes na higienização da prótese ajuda na limpeza. É um coadjuvante na higienização.
01dentadura
Cinco truques ensinam a conviver bem com a dentadura Manter a prótese com boa higienização. Escová-la sempre após as refeições com a escova dental e pasta de dente. A prótese acumula alimentos e isso provoca mau hálito.Sempre retirar a prótese ao dormir, mantendo-a em um recipiente com água. A remoção faz com que a gengiva descanse.Cinco anos é um bom período para troca, mas é aconselhável uma consulta no dentista de seis em seis meses ou anualmente. A desadaptação com o passar do tempo é normal. Ao colocar uma prótese nova é preciso alguns dias na adaptação da fala. É como se estivesse usando um sapato novo, é preciso se adaptar.O uso de pastilhas efervescentes na higienização da prótese ajuda na limpeza. É um coadjuvante na higienização. Manter a prótese com boa higienização. Escová-la sempre após as refeições com a escova dental e pasta de dente. A prótese acumula alimentos e isso provoca mau hálito. Foto: Shutterstock