O uso da toxina botulínica e preenchimento facial na Odontologia

O uso da toxina botulínica e preenchimento facial na Odontologia

O uso da toxina botulínica e preenchimento facial na Odontologia

A toxina botulínica, bastante conhecida por suas marcas comerciais (botox, dysport, prosigne, xeomin etc) inicialmente foi utilizada para tratamento de doenças musculares, mas depois foi constatado que ao tratar o estrabismo também atenuava as rugas ao redor dos olhos (pés de galinha). A partir daí passou a ser muito utilizada para eliminar as rugas, distonias, espasmos e hiperidrose (transpiração excessiva). A toxina botulínica é utilizada para tratamento do sorriso gengival ou assimétrico, cefaleia (dor de cabeça) tensional, disfunções temporomandibulares, apertamento dental, bruxismo (ranger dos dentes), hipertrofia do músculo masseter e correção de sequelas cirúrgicas, além de indicações em implantodontia, ortodontia e outras especialidades odontológicas.

O preenchimento facial é uma técnica que pode complementar tratamentos com próteses dentarias e ortodônticos, devolvendo volume dos lábios pode-se restabelecer sua sustentação evitando que as próteses dentarias sejam grossas e pesadas, como também ganho de volume papilar interdental e muitas outras indicações na odontologia.

Por
Dr. Luciano Artioli Moreira